Buscar notícia:
Principal   Seções   Campeonatos   CBJD   Colunas   Clubes   Vídeos   Institucional   Programação   Cadastre-se   Contato
 
 
COLUNA: BALEIA
Baleia


05/10/2017 - Quinta-Feira
#16- GP da Malásia – A segunda ninguém esquece.
 


A Mercedes desembarcou na Malásia como favorita. Porem nos treinos de sexta feira não vimos nada disso. Se bem que o primeiro treino praticamente não existiu. No sábado vimos as Ferraris dominado o terceiro treino com Ricciardo em terceiro, Bottas em quarto e Lewis apareceu num modesto quinto tempo.

Botãozinho. Já na classificação tudo mudou: Vettel não disputou, Lewis deu o sangue e com a ajuda daquele botãozinho mágico fez a pole. Kimi vinha grudado atrás. 045 centésimos, e a duas Red Bull na seqüência com Bottas em quinto.

Errei. Na madrugada de domingo; Para ser sincero quando vi a Ferrari de Kimi com problemas antes de alinhar, pensei comigo. É melhor voltar para o sono por que corrida vai ser daquelas chatas e com um domínio de Lewis do começo ao fim. Porem a ultima etapa disputada em Sepang foi gratificante.

Indomável. Apagaram as luzes e vimos Lewis assumindo a ponta e Bottas saiu de trás e veio duelar com as Red Bull e levou vantagem para cima de Ricciardo porem com Max duelou por três curvas e perdeu para jovem Holandês.

Rapidinho. E Bastaram quatro voltas para vermos Max Verstappen ir para o ataque e ganhar a posição de Hamilton. E para alegria geral foi abrindo de Lewis volta a volta. Atrás deles Bottas lutou curva a curva e de maneira limpa e não conseguiu segurar Ricciardo. Na nona volta o australiano completou a manobra porem já estava dez segundos atrás de Max.

*Verstappen comandou a etapa e não foi incomodado e sua segunda vitória valeu mais que a primeira. Pois na primeira ela simplesmente caiu no colo e nesta ele conquistou no braço.

Letargia. Vettel largou de ultimo e vinha ganhando varias posições até que encontrou Alonso. Não sei por que isso acontece há anos, O alemão parece que trava quando esta atrás de Alonso. Essa demora em ultrapassar o espanhol custou caro ao alemão no final da prova.

Inacreditável. No quarto final da etapa Vettel de pneus ultra macios já meio gastos partia para atacar Ricciardo e pegar o pódio. No Auge do duelo encontram Don Alonso das Astúrias. E o hispânico deixa Ricciardo lhe colocar uma volta sem resistência e na seqüência fecha a porta para Vettel que vinha grudado na traseira do australiano.

Ai fica a pergunta Don Alonso ajudou Ricciardo ou só atrapalhou Vettel?

Estranho. Vettel conseguiu chegar no quarto posto e até poderia de chegado em terceiro. Nas cinco provas restantes ele precisará fazer um acordo com Don Alonso. Depois da linha de chegada aconteceu u dos lances mais inusitados dessa categoria, Vettel e Stroll se acharam na volta de desaceleração. Mas o que todos se perguntam até agora é por que o alemão levou o volante de seu carro na carona que ganhou de Wehrlein. Na verdade as duas situações são controvertidas e que a muito tempo não víamos.

Chocon. O francês da Force Índia, Esteban Ocon, se achava num parquinho infantil brincando no tromba-tromba. Bateu com Massa logo apôs a largada e depois se achou com Sainz Jr. E no decorrer da etapa voltou a se estranhar com Massa. Mesmo assim ainda marcou um pontinho.

Obediente. Massa também viveu um momento de disputa com seu companheiro de equipe logo depois da saída dos boxes de Vandoorne. E o que ninguém esperava foi uma ordem de equipe mandando Massa aliviar para Stroll. Sem lugar definido para 2018 o brazuca obedeceu. Vergonhoso e tudo indica que Pady Love não nutre nenhuma amizade pelo Massa.

Programação do GP do Japão

3º Treino Livre – Sábado – 00:00hs. – Sportv

Classificação - Sábado – 03:00hs - Sportv

Corrida – Domingo – 02:00 hs. – Globo

Felicidades a todos!


 
 
   
 

Colunas
 
 
Coluna do BALEIA
 
#16- GP da Malásia – A segunda ninguém esquece.
Veja todas as colunas deste colunista.
 
 
Coluna do BALEIA
 
Despedindo de Sepang
Veja todas as colunas deste colunista.
 
 
Coluna do BALEIA
 
#14 – GP de Singapura – A noite do iluminado
Veja todas as colunas deste colunista.